Criada em 13/03/2019 às 17h23 | Agronegócio

Safra de soja no Matopiba será de 13,2 milhões de toneladas, aponta Conab; redução de 11,27% e BA tem maior quebra

Seguindo a tendência nacional, de redução na safra de soja (4,9%), os estados do Matopiba terão redução de 11,27%, com produção de 13,2 milhões de toneladas. O Tocantins terá o segundo menor desempenho com redução de 1,9%.

Imagem
Em todo o Brasil, a redução na produção de soja será de 4,9%, chegando a 113,5 milhões de toneladas. (Foto Divulgação Web)

Vania Machado
DE PALMAS (TO)

A produção de soja nos estados do Matopiba teve uma redução de 11,27%, saindo de 14.942,9 milhões de toneladas produzidas na safra anterior (2017/2018) para 13.258,3 na atual safra (2018/2019). Os dados são do 6º Levantamento realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) divulgado nesta terça, 12.

Em todo o Brasil, a redução na produção de soja será de 4,9%, chegando a 113,5 milhões de toneladas. A quebra de safra prevista em 5,8 milhões de toneladas pode ser observada não só no Matopiba, mas também em importantes regiões que cultivam oleaginosa, como Paraná, Goiás e Mato Grosso do Sul.

Ao estudar os números dos quatro estados que compõem a região do Matopiba, a Bahia é a que terá menor redução na produção de soja, 21,1%, saindo de 6.333,2 mi/t para 4.994,2 mi/t; seguida do Piauí que sai de 2.538,6 mi/t para 2.298,6 mi/t, menos 9,5% mi/t; depois vem o Tocantins com menos 1,9%, saindo de 3.097,7 mi/t para 3.038,8 mi/t; e por fim, o Maranhão com menos 1,6%, de 2973,4 mi/t para 2.926,7 mi/t.

A redução acontece também quanto à produtividade (quilos por hectare). Bahia com menos 19,7% (3.960 kg/ha para 3.180 kg/ha); Piauí menos 15,1% (3.573 kg/ha para 3.032 kg/ha); Maranhão menos 5,6% (3.125 kg/ha para 2.950 kg/ha); e o Tocantins menos 5,4% (3.135 kg/ha para 2.967 kg/ha).

Entretanto, a área plantada cresceu 6,7% no Piauí (710,5 mil/ha para 758,1 mil/ha), 4,3% no Maranhão (951,1 mil/ha para 992,1 mil/ha) e 3,7% no Tocantins (988,1 mil/ha para 1.024,2 mil/ha); apenas a Bahia apresentou redução na área plantada de menos 1,8% (1.599,3 mil/ha para 1.570,5 mil/ha).

Leia também:

Dos estados do Matopiba, Tocantins é o registrador de menor quebra de segurança devido ao manejo diferenciado do solo

 

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2019 Norte Agropecuário