Criada em 12/03/2019 às 16h22 | Agricultura

Com crescimento de 1%, safra brasileira de grãos em 2019 será de 228,8 milhões de toneladas, aponta estimativa do IBGE

A segunda estimativa do IBGE para safra de grãos em 2019 indica que produção será de 228,8 milhões de toneladas, o equivalente ao crescimento de 1% frente ao ano passado. O resultado é o segundo maior atrás apenas de 2017 quando o recorde foi de 240 mi/ton.

Imagem
A área plantada da soja deve crescer 1,7%, porém é esperada queda de 3,8% na produção porque a colheita deve sofrer com o clima menos favorável. (Foto Divulgação Web)

 

Tâmara Freire
DO RIO DE JANEIRO(RJ)

A segunda estimativa para safra de grãos em 2019 indicou produção de 228,8 milhões de toneladas, 1% maior que a do ano passado. A estimativa da área colhida deve crescer 1,7% frente a 2018, somando 61,9 milhões de hectares. Os dados são do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola divulgado nesta terça-feira (12) pelo IBGE.

A pesquisa também mostrou que a estimativa da produção de grãos caiu 0,8% e da área colhida, 0,3% com relação a primeira prévia. Ainda assim, a safra deste ano deve ser a segunda maior da série histórica, atrás apenas do recorde de mais de 240 milhões de toneladas colhidas em 2017.

Na comparação com o ano passado, a área plantada da soja deve crescer 1,7%, porém é esperada queda de 3,8% na produção, totalizando 113,4 milhões de toneladas, porque a colheita deve sofrer com o clima menos favorável.

Já para o milho, são esperadas altas de 10,9% na área plantada e de 9,8% na produção.

Destaque também para a safra de algodão, que deve crescer 13% e ter produção recorde em 2019, com 5,5 milhões de toneladas.

Por outro lado, a safra do arroz deve cair 10,9% na produção e 9,4% na área plantada.

Entre as grandes regiões, o Centro-Oeste, com 44,4%, deve responder pela maior participação na produção de grãos neste ano, seguido por Sul, 33,4% O Mato Grosso lidera entre os estados, devendo responder por 26,2% da safra. (Da Agência Brasil)

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2019 Norte Agropecuário