Criada em 19/02/2019 às 10h18 | Grãos

Faet e Aprosoja discutem impactos ao setor produtivo da taxação de ICMS do frete de produtos para exportação no Tocantins

Paulo Carneiro se comprometeu com Maurício Buffon a levar a demanda ao governo do Estado e aos parlamentares. “Acredito que conseguiremos tentar reverter essa situação. Precisamos cada vez mais fomentar as potencialidades do nosso estado e defender a nossa classe produtora.”

Imagem
Dirigentes da Faet e Aprosoja em reunião sobre a medida do governo do Estado de taxar ICMS do frete de produtos de exportação (foto: Faet\Divulgação)

Danara Goetten
DE PALMAS (TO)

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, (SENAR/TO), Paulo Carneiro, e o superintendente adjunto do SENAR, Frederico Sodré, receberam a visita do presidente da APROSOJA, Mauricio Buffon, e seu vice, Dari Fronza. 

Na visita foram discutidas demanda do setor, bem como um apoio da Federação junto ao governo do estado para a suspensão da cobrança do imposto do frete sobre grãos.

O presidente da APROSOJA fala das dificuldades enfrentadas pelos produtores, devido a essa cobrança e relembra que o Tocantins é o único estado que cobra essa taxa. “Essa cobrança desmotiva a classe produtora e acaba afastando novos investidores que tem interesse em vir investir no nosso estado, principalmente aqueles do ramo que querem produzir grãos, como no caso a soja, a criação desse imposto tem gerado prejuízo para o nosso setor”, disse o presidente Mauricio Buffon.

SAIBA MAIS

Agronegócio virou alvo da sanha tributária dos Estados, criticam entidades 

Aprosoja anuncia que irá à Justiça barrar cobrança de ICMS do frete de produtos de exportação no Estado do Tocantins

Taxação de 12% do ICMS aumentará custo do frete de R$ 1,80 a R$ 2,00 por saca de soja, diz presidente da Coapa, Ricardo Khouri

Halum levará lideranças do agro para discutir com Sefaz solução sobre taxação do ICMS do frete de produtos de exportação

CLIQUE AQUI E LEIA O QUE FOI PUBLICADO SOBRE O ASSUNTO NO NORTE AGROPECUÁRIO 

VEJA A INSTRUÇÃO DE SERVIÇO COM AS RAZÕES DA COBRANÇA

Paulo Carneiro, defende que o produtor rural é fundamental para o sucesso da agricultura no estado. “Precisamos cada vez mais incentivar os nossos produtores, a economia do nosso estado gera em torno da produção agrícola, eu me disponho a levar essa demanda junto ao governador e também aos nossos deputados e senadores, e acredito que conseguiremos tentar reverter essa situação, precisamos cada vez mais fomentar as potencialidades do nosso estado e defender a nossa classe produtora”, conclui o presidente. (Da Faet)

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2019 Norte Agropecuário