Criada em 30/06/2017 às 15h07 | Pecuária

Governo diz estar aberto ao diálogo sobre redução do ICMS para venda do gado, mas ressalta: “é preciso estudar a situação”

Após queda de 11% do preço do gado para o produtor, a categoria decidiu em assembleia na noite dessa quinta-feira, 29, que uma das medidas para reduzir os impactos negativos da crise do setor é rever o índice da alíquota, hoje em 7%.

Imagem

Questionada sobre reivindicação dos pecuaristas sobre a redução da alíquota do ICMS para a venda do boi vivo para outros Estados, a Secretaria da Fazenda do Tocantins (Sefaz), por meio de sua assessoria de comunicação, que está à disposição da classe, mas que a solicitação deverá passar por estudos de técnicos da pasta.

“A Secretaria da Fazenda não pode afirmar nada sem antes fazer um estudo técnico sobre o assunto. Entretanto, o Governo do Estado está atento às pautas de interesse econômico do Estado. Se viável, porque não atender?”, informou a Sefaz.

LEIA TAMBÉM: PECUARISTAS REIVINDICAM REDUÇÃO DO ICMS PARA VENDA DO GADO 

Após queda de 11% do preço do gado para o produtor, a categoria decidiu em assembleia na noite dessa quinta-feira, 29, que uma das medidas para reduzir os impactos negativos da crise do setor é rever o índice da alíquota, hoje em 7%. Alguns criadores de gado defendem que o percentual ideal seria de 3%. A redução do ICMS é uma das alternativas que já vem sendo tomada por alguns Estados para conter a crise , como Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. 

A alíquota de 7% vale desde 17 de maio de 2016, informa a Sefaz. “Técnicos da Secretaria da Fazenda precisam estudar primeiro a situação e somente com uma análise mais criteriosa é que a Pasta poderá se manifestar sobre o assunto”, finalizou.

A secretaria diz entender que “todos têm direito de reivindicar e estão certos em procurar o que for melhor para o seu setor”. “A Sefaz está à disposição para manter o diálogo e o equilíbrio econômico do Estado. Esse é o papel da instituição”, informou a assessoria.

Tags:

Comentários

{{c.nome}}
{{c.comentario}}
{{c.dataCriacao}} às {{c.horaCriacao}}

Deixe um comentário

Redes Sociais
2017 Norte Agropecuário