Criada em 09/09/2018 às 12h33 | Comunicação

“Tradings estão muitos frias no mercado e não querem assumir riscos do frete”, afirma presidente da Aprosoja no Tocantins

Para Maurício Buffon, produtor tem que estar "se precavendo para poder ver se consegue travar pelo menos seus custos com esse dólar, porque daqui a pouco ele pode está plantando com o dólar a R$ 4,15 e quando for a hora de vender sua mercadoria esse dólar retorna para R$ 3,80, R$ 3,50”.

Imagem
“É um momento bem delicado”, afirma o presidente da Aprosoja, Maurício Buffon em entrevista ao programa Norte Agropecuário no Rádio (foto: Ademir dos Anjos/Arquivo/Aprosoja)

Entrevistado no programa Norte Agropecuário no Rádio, o presidente da Aprosoja-TO (Associação dos Produtores de Soja e Milho do Tocantins), Maurício Buffon, afirmou que os negócios relacionados à soja estão prejudicados pelo tabelamento do frete. “O produtor poderia estar aproveitando uma alta de dólar, mas hoje ele não está porque as tradings (que compram e exportam a produção) estão muito frias no mercado. Não estão querendo assumir o risco dos fretes de retorno e isso está impactando diretamente o mercado”, declarou. 

Este foi um dos destaques do Norte Agropecuário no Rádio, que vai ao ar aos domingos, 8h, e às quartas-feiras, às 6h20, na UFT 96,9 FM para Palmas e 20 municípios ao redor da capital tocantinense, onde vivem aproximadamente 400 mil pessoas. A emissora é mantida pela Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Para Buffon, o momento requer cuidado com as finanças. “É um momento bem delicado para o produtor rural. Ele tem que estar se precavendo com essa questão para poder ver se ele consegue travar pelo menos seus custos com esse dólar, porque daqui a pouco ele pode está plantando com o dólar a R$ 4,15 e quando for a hora de vender sua mercadoria esse dólar retorna para R$ 3,80, R$ 3,50, e aí vai embora toda lucratividade do produtor e acaba virando prejuízo a lavoura”, finaliza Buffon.

CLIQUE AQUI E OUÇA OUTRAS EDIÇÕES DO NORTE AGROPECUÁRIO NO RÁDIO 

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2018 Norte Agropecuário