Criada em 12/10/2018 às 11h36 | Política brasileira

Vice-presidente da CNA destaca parcerias com Embrapa no intuito de "somar forças para o setor rural continuar crescendo”

Representando o presidente da confederação, João Martins, na solenidade de posse de Sebastião Barbosa à frente da Embrapa, Muni Lourenço Silva Júnior destacou o papel estratégico da empresa no desenvolvimento do agronegócio, juntamente com a força e competência dos produtores rurais.

Imagem
Muni Lourenço Silva Júnior na cerimônia de posse da Embrapa: "Esperamos que a nova gestão possa ampliar investimentos em ciência e tecnologia para o Brasil se manter na dianteira da produção mundial". (foto: Wenderson Araújo\CNA)

O novo presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Sebastião Barbosa, tomou posse nessa quarta-feira (10) no Palácio do Planalto e defendeu cada vez mais diálogo, aproximação e parcerias com a CNA e entidades do setor produtivo. "Vamos buscar uma aproximação ainda maior com o setor produtivo por meio de associações, produtores, sindicatos, sistemas de extensão rural, cooperativas, federações estaduais de agricultura, diretamente ou através da Confederação. Esta é uma instrução direta do ministro Blairo Maggi e que seguiremos à risca”.

O vice-presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, Muni Lourenço Silva Júnior, representou o presidente da CNA, João Martins, na cerimônia de posse. Muni destacou a importância da Embrapa no desenvolvimento do agro brasileiro.

VEJA TAMBÉM 

"Precisamos de recursos", afirma novo presidente da Embrapa; gestor garante aproximação com setor produtivo

"Que a agricultura e o agronegócio sigam superando obstáculos e se fortalecendo", diz Maurício Lopes a se despedir 

Ministro estima que exportações do agronegócio devem atingir US$ 100 bilhões neste ano 

“A Embrapa tem um papel estratégico no desenvolvimento do agronegócio brasileiro e foi responsável, juntamente com a força e a competência dos produtores rurais, pelo país deixar de ser importador e se transformar em uma potência na produção de alimentos para sua população e para o mundo. Esperamos que a nova gestão possa ampliar investimentos em ciência e tecnologia para o Brasil se manter na dianteira da produção mundial”, afirmou.

A CNA já possui uma série de iniciativas importantes desenvolvidas com a Embrapa, como o Projeto Biomas e o Forrageiras para o Semiárido, entre outros. Segundo Muni, essas parcerias são essenciais “no sentido de somar forças para o setor rural continuar crescendo”.

Também estiveram na cerimônia o diretor-geral do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Daniel Carrara, e o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), Maurício Saito.

O evento no Palácio do Planalto teve ainda a presença do presidente Michel Temer, dos ministros Blairo Maggi (agricultura) e Eliseu Padilha (Casa Civil), de seu antecessor Maurício Lopes e lideranças do setor agropecuário. (Da Assessoria de Comunicação da CNA)

Tags:

Comentários


Deixe um comentário

Redes Sociais
2018 Norte Agropecuário